Blog

Pesquisa McAfee revela que os adolescentes se aproveitam do conhecimento limitado dos pais para ignorar a vigilância online

adolescentes se aproveitam do conhecimento limitado dos paisOs jovens estão passando mais tempo online do que seus pais acreditam, esse resultado faz parte de uma pesquisa realizada nos Estados Unidos pela TRU a pedido da McAfee, empresa líder em segurança da informação. A pesquisa, que entrevistou 2500 jovens com idades entre 10 e 23 anos e pais de jovens entre as mesmas idades, revelou que 74% dos pais se dizem ultrapassados pela tecnologia. Eles alegam não ter tempo ou energia para monitorar os filhos, admitem a derrota, e esperam que nada mal aconteça às suas crianças. O estudo examina os hábitos e interesses online dos jovens significantemente dissonantes entre o que eles dizem e o que eles fazem. Embora os jovens entendam que a internet é um ambiente perigoso, eles aceitam o risco e ocultam o que fazem de diversas maneiras, sendo que 46% deles afirmam que mudariam seu comportamento nas redes se soubessem que são monitorados pelos pais.

“Como a internet ainda é um terreno desconhecido e os jovens são nativos digitais, eles estão expostos a todo tipo de perigo, sem entender como esse comportamento irá afetar suas vidas”, diz Michelle Dennedy – vice presidente e chefe do escritório de privacidade da McAfee. “Esse estudo demonstra claramente que os pais precisam se envolver para entender o que suas crianças estão fazendo online. Jovens de todas as idades estão clamando por orientação”, afirma.

Os jovens não são os únicos que precisam aprender sobre comportamento seguro na internet. A pesquisa também mostra que 62% dos pais não acreditam que seus filhos possam se meter em encrencas online e 80% nem ao menos sabem como descobrir o que suas crianças fazem na internet. Enquanto 39% dos pais tentam monitorar o comportamento dos filhos, estes se aproveitam do desconhecimento dos pais para burlar o controle. De 41% dos jovens que são impostos a senhas em aplicativos móveis, 92% sabem a senha, enquanto mais da metade dos pais, 60%, acreditam que seus filhos não sabem. Outros números demonstram ainda que a conversa sobre segurança na internet ainda está longe de ser perfeita. Enquanto 70% dos pais acreditam já terem tido essa conversa com seus filhos, apenas 44% dos jovens afirmam terem sidos orientados pelos pais. Isso mostra que é necessário uma maneira mais clara e direta para comunicar com os jovens sobre segurança online.

Sobre a McAfee

 A McAfee, uma subsidiária pertencente à Intel Corporation (NASDAQ:INTC), permite às empresas privadas, ao setor público e aos usuários domésticos aproveitarem com segurança os benefícios da Internet. A empresa oferece soluções e serviços de segurança proativos e comprovados para sistemas, redes e dispositivos móveis em todo o mundo. Com sua estratégia Security Connected, uma inovadora abordagem de segurança aprimorada por hardware, e a exclusiva rede Global Threat Intelligence, a McAfee dedica-se ininterruptamente a manter seus clientes em segurança. http://www.mcafee.com/br

NOTA: McAfee é marca comercial, registrada ou não, da McAfee, Inc. nos Estados Unidos e em outros países. Outros nomes e marcas podem ser reivindicados como propriedade de terceiros.

Informações para a imprensa:

Concept PR

Samira Ciardella – samira.ciardella@conceptpr.com.br

(11) 4095-2918

Raquel Camillo – raquel.camillo@conceptpr.com.br

(11) 4095-2926

McAfee do Brasil

Juliana Vercelli, gerente de Relações Públicas – juliana_vercelli@mcafee.com
(11) 3711-8252

Sobre a FLS Pesquisa

Empresa especializada em pesquisas e marketing, com objetivo de melhorar a qualidade dos serviços e produtos dos parceiros e clientes, primando sempre pelo planejamento, autenticidade, prazo e eficiência.

Tel.:+55(11) 2362-6499 | fls@flspesquisa.com.br

Logo-Conre