Blog

PESQUISA GLOBAL DA AVANADE APONTA AUMENTO DA COLABORAÇÃO SOCIAL CORPORATIVA

RedeNos próximos 12 meses, as empresas planejam alterar serviços de colaboração baseados

em redes sociais de consumo para plataformas sociais corporativas

A Avanade, fornecedora global de soluções de tecnologia de negócios e serviços gerenciados, anuncia os resultados de sua pesquisa global sobre a adoção das tecnologias de colaboração social dentro das organizações. O levantamento entrevistou quatro mil usuários finais e mil tomadores de decisões de negócios e de TI em 22 países, incluindo o Brasil. Os dados da pesquisa mostram que a maioria das empresas (97%) está utilizando as tecnologias de redes sociais na empresa.

 O estudo da Avanade também revela concepções comuns quando se trata da colaboração social. Os entrevistados que adotaram as tecnologias de mídias colaborativas em suas empresas relataram que utilizam tecnologias sociais que possuem o consumidor como foco: o Facebook foi apontado como a principal rede utilizada por 74% dos entrevistados, apresentando uma taxa duas vezes maior que o Microsoft SharePoint (39%), quatro vezes maior que o IBM Open Connections (17%) e seis vezes maior que o Salesforce Chatter (12%). No Brasil, este cenário reflete os mesmos resultados, destacando o Facebook como a plataforma social mais utilizada, com 75% dos pesquisados, seguido do Twitter (49%) e Linkedin (47%). Estes dados indicam que as empresas brasileiras são abertas ao uso das ferramentas de colaboração social, mas ainda não têm o conhecimento necessário para utilizar as plataformas corporativas, aproveitando plenamente todos os recursos da colaboração social.

Ao observar as intenções dos entrevistados, há uma indicação de que esta tendência pode mudar nos próximos 12 meses. Os tomadores de decisão que planejam adotar tecnologias sociais relatam que o Microsoft SharePoint (23%) e o Salesforce Chatter (23%) estão no topo de suas listas de implementações de colaboração planejadas para o próximo ano. Apesar do Facebook estar atualmente na primeira posição entre as tecnologias de colaboração social em uso hoje, quando perguntados sobre quais ferramentas sociais as empresas gostariam de adotar no próximo ano, a rede social mais popular do mundo caiu para o final da lista, com apenas 8% dos tomadores de decisão entrevistados o considerando uma prioridade.

A pesquisa da Avanade também mostra que a maioria das empresas que adotaram ferramentas de colaboração social está observando benefícios e planejando adotar mais ferramentas sociais no futuro. As principais constatações incluem:

  • Os adotantes mais entusiasmados estão alavancando as tecnologias sociais no trabalho – aproximadamente oito entre dez tomadores de decisões (77%) e sete entre dez usuários finais (68%) relatam o uso de redes sociais corporativas.
  • Entre as empresas que empregam ferramentas de colaboração social nos dias de hoje, 82% querem utilizá-las mais no futuro. No Brasil, esse número sobre para 96%. Porém, em relação ao restante do mundo, as empresas nacionais ainda desconhecem toda a capacidade das ferramentas sociais para alavancar os objetivos traçados pela companhia.
  • Todos, entre tomadores de decisões de negócios e de TI, bem como os usuários finais, relatam resultados positivos de seu uso das tecnologias de colaboração social na empresa. Os tomadores de decisões de TI relatam que estas tecnologias tornam o trabalho mais agradável (62%), os tornam mais produtivos (62%) e os ajudam a terminar o trabalho mais rapidamente (57%). Para 50% das empresas brasileiras entrevistadas, as ferramentas de colaboração social são uma grande oportunidade para solucionar a questão do longo tempo diário gasto no trabalho com tarefas simples. Em contrapartida, o principal desafio identificado pelas organizações nacionais está na ajuda aos novos funcionários para que eles aumentem suas performances a partir das redes colaborativas.
  • Com todas as percepções e resultados de negócios positivos, uma saudável minoria dos tomadores de decisões de negócios e de TI (23%) ainda não adotou ferramentas de colaboração social na empresa.

“As empresas têm uma variedade de necessidades e expectativas por trás da adoção das ferramentas de colaboração. E a consumerização de IT aumentou as expectativas dos funcionários sobre as tecnologias sociais que eles podem usar para colaborar dentro e fora da organização”, diz Hamilton Berteli, CTO da Avanade Brasil. “Para maximizar plenamente a oportunidade em torno destas ferramentas, estratégias de colaboração bem sucedidas serão alinhadas aos objetivos da empresa, ao mesmo tempo em que priorizem as necessidades dos usuários finais e tenham o apoio das ferramentas corretas, treinamento e políticas que promovam a adoção ao longo da organização. Acima disso, de acordo com o nosso conceito de Work Redesigned, onde a proposta é uma remodelagem do ambiente de trabalho, integrar a colaboração aos processos de negócios também transformará a forma como o trabalho é feito na empresa. Vemos grandes oportunidades de resultados de negócios com a implementação da estratégia de colaboração social correta”, pontua.

O executivo acrescenta que a maioria das empresas nacionais pretende adotar novas tecnologias e acredita que isso irá melhorar a forma como seus colaboradores trabalham, e que isso reflete diretamente nos resultados na companhia. “Inovar e crescer continuam sendo as maiores prioridades e as ferramentas colaborativas podem ajudar”, finaliza Berteli.

Para saber mais sobre as visões da Avanade sobre a Colaboração Social, visite www.avanade.com/socialcollaboration.

Sobre a Pesquisa Global

A pesquisa da Avanade foi conduzida por Vanson Bourne (www.vansonbourne.com), um especialista independente em pesquisa de Mercado para o setor de tecnologia. Foram pesquisados:

  • 1000 executivos de nível C, líderes de unidades de negócios e tomadores de decisões seniores dentro do departamento de TI de organizações com mil ou mais funcionários nos seguintes países: Estados Unidos, Canadá, Brasil, Áustria, Bélgica, França, Alemanha, Itália, Holanda, Países Nórdicos, Espanha, Suíça, Reino Unido, Austrália e Singapura. Este trabalho de campo foi conduzido entre 13 de março e 16 de abril de 2013.
  • 4000 usuários finais em organizações com 500 funcionários ou mais nos seguintes países: Estados Unidos, Canadá, Áustria, França, Alemanha, Itália, Holanda, Países Nórdicos, Espanha, Suíça, Reino Unido, Austrália, China, Japão, Malásia e Singapura. Este trabalho de campo foi conduzido entre 31 de janeiro e 20 de fevereiro de 2013.
  • Desde o período da pesquisa, houve algumas mudanças no mercado (inclusive a decisão do Salesforce de aplicar a interface Chatter a todo seu conjunto de aplicativos) que continuam a destacar a oportunidade de negócios em torno da Colaboração Social.
Sobre a FLS Pesquisa

Empresa especializada em pesquisas e marketing, com objetivo de melhorar a qualidade dos serviços e produtos dos parceiros e clientes, primando sempre pelo planejamento, autenticidade, prazo e eficiência.

Tel.:+55(11) 2362-6499 | fls@flspesquisa.com.br

Logo-Conre